Instituto SuperAÇÃO

Instituto SuperAÇÃO é reconhecido pelo Ministério da Educação e Cultura como instituição de referência em inovoção e criatividade na educação básica

Publicado: 01/07/2022


  • Instituto SuperAÇÃO é reconhecido pelo Ministério da Educação e Cultura como instituição de referência em inovoção e criatividade na educação básica
  • Certificado MEC

clique para ampliar

O MEC cadastrou o Instituto SuperAÇÃO como uma instituição referência em inovação e criatividade na educação básica no Brasil. 

Compartilhamos o "Mapa da Inovação e Criatividade na Educação Básica" onde Itanhandu está representado pelo Instituto SuperAÇÃO e Escola Municipal Ana Carlos da Silva. A partir de então, ambos os trabalhos serão monitorados pelo MEC.

O Instituto SuperAÇÃO acredita que a comunidade escolar deve praticar a livre interação e reflexão compartilhada sobre a realidade. Trabalhamos com as crianças e jovens de maneira cognitiva, afetiva e pelo campo da ação. Utilizamos dinâmicas diversas, principalmente as ferramentas do Diagnóstico Rápido Participativo. Sem um currículo fixo pré-determinado atuamos nas escolas e projetos sociais favorecendo a inovação. Participando das reuniões pedagógicas buscando integrar outras formas de aprendizado, desenvolvemos ações que englobam a gestão democrática, horta, esportes, artes/artesanato, dança circular, musicoterapia e estamos de forma constante buscando melhorar nossa atuação.

Queremos fazer por merecer este grande voto de confiança que o MEC colocou em nosso trabalho e queremos agradecer todos os parceiros (Escola Municipal Ana Carlos da Silva e Parceiros do Futuro), pois sem vocês esta conquista não seria possível.

Tendo em vista ser este um grande incentivo para um ano cheio de conquistas no campo da educação, informamos que estamos crescendo nossa rede de colaboradores para os projetos nas escolas e nas instituições parceiras e nos colocamos a disposição para a troca de experiências e para novos parceiros.

Venha fazer parte deste projeto e seja você também um inovador na educação!